Uniandes
Funes
Ministerio de Educacion
Funes

Noções básicas de estatística na interpretação das informações em ações de preservação do meio ambiente

Bifi, Carlos Ricardo (2017). Noções básicas de estatística na interpretação das informações em ações de preservação do meio ambiente. Revista de Educação Matemática (REMat), 14(17), pp. 189-197 .

[img]
Vista Previa
PDF - Versión Publicada
Disponible bajo la licencia Creative Commons No Comercial Sin Derivar.

406Kb

URL Oficial: https://revistasbemsp.com.br/index.php/REMat-SP/

Resumen

As informações contidas nos meios de comunicação, trazem para a comunidade leitora, dados que podem levar a interpretações e conclusões equivocadas. Vários órgãos responsáveis por essas informações, preocupam-se em divulgá-las levando esses leitores a terem interpretações que vão de encontro a seus propósitos, provocando distorções das informações. Quando essas informações estão atreladas aos estudos de preservação do meio ambiente, por exemplo, elas se encontram em linguagem que são específicas da ciência ambiental e, que muitas vezes, não fazem parte do senso comum daqueles que a lerão. Encontros internacionais que tratam do assunto como, por exemplo, Rio + 10 ou o atual, Rio + 20, têm como premissa apontar os caminhos ideais em relação à preservação do meio ambiente, assim, a necessidade de estar alfabetizado estatisticamente para absorver e codificar tais informações apresentadas durante esses encontros são necessárias e, assim pode provocar discussões com total compreensão dos participantes. Este artigo tem como finalidade despertar reflexões em relação ao ensino da Estatística, por parte dos professores de Matemática, como instrumento de análise para aquele que irá utilizá-la para interpretar as informações contidas nas diversas formas de apresentação. Gráficos, tabelas, dados numéricos, que são as formas de registros das informações estatísticas, devem promover nos leitores condições mínimas para inferência e, se for o caso, mudanças de atitudes. Portanto, é no ensino básico, desde as séries inicias, que os órgãos educacionais, por meios de seus professores, devem promover condições mínimas para aprendizes desta faixa etária. O objetivo deste artigo também é levar os pesquisadores da área da Educação Matemática a focarem mais suas pesquisas em como os cidadãos, leitores de informações, mobilizam suas noções em Estatística e relacionam tais noções com a interpretação textual, para que os resultados obtidos surtam efeitos e, dessa forma, consigam tornar estes cidadãos pessoas capazes de criticar e validar as informações que lhe são apresentadas.

Tipo de Registro:Artículo
Términos clave:07. Enseñanza > Planificación del profesor > Contenidos
06. Aprendizaje > Cognición > Errores
13. Matemáticas escolares > Estadística > _Otro (estadística)
07. Enseñanza > Planificación del profesor > Metodología de enseñanza > Trabajo de los estudiantes fuera del aula
11. Educación Matemática y otras disciplinas > Educación Matemática desde otras disciplinas
Nivel Educativo:Educación Secundaria Básica (13-16 años)
Código ID:30495
Depositado Por:Monitor Funes 7
Depositado En:27 Jul 2022 09:14
Fecha de Modificación Más Reciente:27 Jul 2022 09:14
Valoración:

Personal del repositorio solamente: página de control del documento


Comentarios

Agregar Comentario