Uniandes
Funes
Ministerio de Educacion
Funes

Caminhos da educação estatística ao longo do tempo: uma leitura pessoal

Cordani, Lisbeth K. (2015). Caminhos da educação estatística ao longo do tempo: uma leitura pessoal. Jornal Internacional de Estudos em Educação Matemática, 8(3), pp. 154-178 .

[img]
Vista Previa
PDF - Versión Publicada
Disponible bajo la licencia Creative Commons No Comercial Sin Derivar.

718Kb

URL Oficial: https://jieem.pgsskroton.com.br/index

Resumen

Em meados do século passado, pesquisadores aplicados de diversas áreas do conhecimento, em vários países, depositaram sua esperança na metodologia estatística, não só através da análise de dados como também do desenvolvimento da inferência estatística, e com isto esperavam poder dar às suas pesquisas conclusões mais “objetivas”. Esse conhecimento era trabalhado em ambientes de pesquisa, geralmente universidades com profissionais de várias áreas (autodidatas), e havia dificuldade em renovação dos quadros, já que era incipiente a formação de corpo docente para disseminação da estatística, tanto no nível universitário como no pré- universitário. Serão descritas algumas iniciativas que apareceram nessa época em alguns países do hemisfério norte e também no Brasil. Décadas mais tarde, foram editados pelo governo brasileiro os PCN, com orientações aos professores da escola básica (hoje com 12 anos) para trabalharem conceitos de estatística na disciplina de matemática, sob o título de “Tratamento da Informação”. Há tempos que a disciplina de estatística vem sendo ministrada em cursos de graduação de praticamente todas as áreas do conhecimento. No entanto, apesar de um oferecimento mais abrangente desse conteúdo, a compreensão dos princípios centrais da estatística, incerteza e variabilidade, ainda é precária, e o interesse de pesquisadores estatísticos pela área de educação ainda é incipiente. Este artigo vai refazer alguns percursos, apresentando as posições sobre introdução do ensino da estatística ao longo do tempo, emanadas muitas vezes de pesquisadores reconhecidos pela comunidade estatística. Isto sugere que o interesse em pesquisa estatística pode ser combinado com interesse em educação estatística.

Tipo de Registro:Artículo
Términos clave:10. Otras nociones de Educación Matemática > Evolución histórica de conceptos
13. Matemáticas escolares > Estadística > _Otro (estadística)
14. Matemáticas superiores > Estadística (matemáticas superiores)
Nivel Educativo:Título de grado universitario
Código ID:28915
Depositado Por:Monitor Funes 5
Depositado En:17 May 2022 18:03
Fecha de Modificación Más Reciente:17 May 2022 18:03
Valoración:

Personal del repositorio solamente: página de control del documento


Comentarios

Agregar Comentario